Interface
Adjust the interface to make it easier to use for different conditions.
This renders the document in high contrast mode.
This renders the document as white on black

Padronização dos procedimentos operacionais para a gestão da qualidade no Biotério de experimentação de Farmanguinhos - Fiocruz

A presente dissertação sugere a padronização dos procedimentos operacionais e a elaboração do manual da qualidade para adoção de um sistema de gestão da qualidade no Biotério de Experimentação do Laboratório de Farmacologia Aplicada de Farmanguinhos. Os animais de laboratório contribuem há mais de 100 anos para as ciências biológicas no conhecimento, prevenção e tratamento de doenças, no desenvolvimento de medicamentos de uso humano e veterinário, além de proporcionar o aperfeiçoamento de técnicas clínicas e cirúrgicas. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) tem um papel importante e histórico no cenário brasileiro em relação à promoção da saúde da população, sendo um dos principais centros de pesquisas científicas e tecnológicas no Brasil. Os camundongos e ratos utilizados nas pesquisas científicas do laboratório devem ser livres de agentes patogênicos específicos e sem dúvidas com relação à sua qualida de sanitária e genética, variáveis que possam gerar erros nos resultados exp erimentais. Para garantir este padrão de qualidade dos animais faz-se necessário o controle de parâmetros ambientais e operacionais na gestão do biotério. A verificação de conformidades ou não conformidades com as legislações nacionais vigentes e o levantamento das atividades operacionais exercidas no biotério determinaram a necessidade do estabelecimento de normas e propostas de ações corretivas para implantar o sistema de gestão da qualidade no biotério de experimentação do laboratório. A partir do relatório das atividades e processos executados no biotério foi elaborada a lista mestra de procedimentos a serem padronizados. Foram geradas também as ações corretivas para o cumprimento das exigências dos órgãos fiscalizadores, e o credenciamento e cadastro do biotério junto ao Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV) e ao Conselho Nacional de Controle da Experimentação Animal (CONCEA). Com a padronização dos procedimentos operacionais e a elaboração do manual da qualidade do biotério será possível obter as orientações específicas e necessárias para garantir a boa manutenção dos animais no biotério de experimentação e, consequentemente, a maior confiabilidade dos resultados experimentais. A adoção do sistema de gestão da qualidade no biotério garante o uso ético e o bem-estar dos animais e cumpri as exigências legislativas nacionais.


Tipo de documento

Ano de publicação

2013

Autor

  • Sales, André Nunes de