Monitoramento de Ciência, Tecnologia e Inovação: Vírus Zika

Compartilhe!

Coordenação: Jorge Barreto
Equipe: Bruna Fonseca, Ricardo Sampaio e Fátima Martins

​Justificativa
Os modelos atuais de avaliação das atividades de pesquisa e desenvolvimento (P&D) em saúde apresentam limitações relacionadas tanto às dinâmicas específicas de produção do conhecimento quanto à inadequação a realidade socioeconômica dos países em desenvolvimento. É preciso orientar a formulação de políticas por meio de questões pertinentes à realidade brasileira para promover mudanças e atender demandas nacionais e locais. Isso se revela ainda mais crítico em situações que exigem intervenções ágeis e confiáveis pelo poder público, como no caso da epidemia do vírus Zika (VZ).
Diante deste cenário, o Observatório em Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde (CT&I em Saúde) da Fiocruz, como instrumento de apoio à gestão das atividades de CT&I em saúde para a formulação de políticas institucionais, adota novas abordagens para o monitoramento e avaliação da P&D. No contexto da epidemia do VZ no Brasil, estas abordagens incluem análises quantitativas e qualitativas para facilitar o uso do conhecimento científico como subsídio estratégico no enfrentamento da epidemia.
O que se propõe com este projeto é o monitoramento sistemático da produção científica e a identificação da rede de especialistas e instituições que desenvolvem pesquisas relevantes para o enfrentamento da epidemia do Zika Vírus a nível global.
 
Objetivos
Monitorar, avaliar, sintetizar e disseminar o conhecimento científico disponível globalmente sobre o VZ, mediante uma abordagem integradora entre o monitoramento da produção científica, a produção de evidências científicas e o monitoramento da rede de especialistas e instituições que desenvolvem cooperação em pesquisa e desenvolvimento tecnológico, a fim de subsidiar a tomada de decisão na formulação e implementação de políticas públicas e ações de enfrentamento à epidemia do VZ, bem como na formação da deliberação social e opinião pública sobre o problema.
 
Escopo
Suporte à tomada de decisão e deliberação social, mediante:
- Identificação, categorização, análise, síntese e disseminação dos resultados apresentados em publicações científicas globais relacionados a diferentes aspectos da infecção pelo VZ, tais como: i) aspectos epidemiológicos;
ii) prevenção e tratamento;
iii) diagnóstico;
iv) transmissão;
v) relação com a microcefalia.
- Mapeamento das redes de colaboração entre pesquisadores e instituições que desenvolvam pesquisas relacionadas ao VZ nesses diferentes aspectos.
A proposta será desenvolvida e aplicada no âmbito Observatório em CT&I em Saúde da Fiocruz em parceria com a Rede para Políticas Informadas por Evidências (EVIPNet Brasil), com a perspectiva de ser ampliada para outros contextos. Esta será uma oportunidade única para experimentação de metodologias inovadoras de monitoramento e avaliação da produção científica orientada a demandas políticas e sociais, sobretudo em face das incertezas do atual cenário.
 
Método
- Revisão dinâmica da literatura com método sistemático
Monitoramento dinâmico e cíclico (a cada 30 dias) da produção científica global publicada, tendo como referência os métodos para revisões sistemáticas. Após a identificação e categoriação dos estudos, segundo taxonomias cruzadas (Epidemia; Prevenção e tratamento; Diagnóstico; Microcefalia e VZ; Transmissão x Arranjos de governança; Arranjos organizacionais; Arranjos financeiros; Estratégias de implementação), os principais resultados serão sintetizados e mantidos atualizados a cada ciclo, no intuito de atender às prioridades dos tomadores de decisão e sociedade quanto à necessidade de informação​
 

Status: 
Em desenvolvimento
Compartilhe!