As trajetórias dos estudos sobre ciência, tecnologia e sociedade e da política científica e tecnológica na Ibero-América

Compartilhe!

Existe na Ibero-américa um hiato entre a orientação da Política Científica e Tecnológica (PCT) e a perspectiva dos ECTS que pode ser caracterizado através da análise das trajetórias de três países: Argentina, Brasil e Espanha. Eles são o foco do trabalho. Seus objetivos são: (1) explicar porque, sendo uma das finalidades dos ECTS a introdução de sua perspectiva na agenda da PCT, através do debate público e da formação de profissionais, isto não tem ocorrido; (2) argumentar que esse hiato vem se ampliando porque os fazedores da PCT estão influenciados pelo marco analíticoconceitual da Teoria da Inovação, acriticamente adotado na ibero-américa; (3) mostrar que a busca de convergência entre os ECTS e a PCT depende de um debate sobre ESCT no interior da comunidade de pesquisa e da concepção de estratégias de extensão, pesquisa, e docência em ECTS que levem à formação de uma nova geração de fazedores de política.

Tipo de Documento: 
Instituição Editora: 
Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
Autor ou Criador: 
Renato Dagnino
Citação: 
DAGNINO, Renato. As Trajetórias dos Estudos sobre Ciência, Tecnologia e Sociedade e da Política Científica e Tecnológica na Ibero-América. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, Florianópolis, v.1, n.2, p. 3-36, jul. 2008.
Ano de Publicação do documento: 
2008
Compartilhe!