Programa de Pós-graduação em Saúde Pública completa 50 anos

×

Menssagem de erro

An error occurred while trying to search with Solr: "0" Status: Request failed: Network is unreachable.
Compartilhe!


Programa de Pós-graduação em Saúde Pública completa 50 anos

    São cinco décadas pensando, criando e fazendo a saúde pública brasileira. Na próxima semana, a partir de quarta-feira (29/11), a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (Ensp/Fiocruz) vai celebrar o aniversário de 50 anos de seu Programa de Pós-graduação Stricto sensu em saúde pública, além de promover uma série de debates sobre temas relativos a educação, qualificação e saúde no contexto do Seminário de Ensino 2017. Uma trajetória de luta. Da repressão dos militares às ameaças atuais de falta de financiamento, são muitos os desafios que professores, coordenadores, funcionários e alunos enfrentaram para fazer da Ensp/Fiocruz uma referência internacional quando o tema é a produção acadêmica no campo da saúde coletiva. Além de homenagens e uma mesa de debates, será lançado um livreto comemorativo e um vídeo.

    Escola realiza uma série de eventos com programação especial para celebrar a data

    Formando ao longo desse período centenas de mestres e doutores e produzindo milhares de teses, dissertações, artigos, além de qualificar profissionais para atuarem no Sistema Único de Saúde (SUS), a pós-graduação da Ensp/Fiocruz tem uma trajetória que se confunde com a de muitos dos que passaram por suas salas de aula. Alguns começaram como alunos para depois se tornarem também professores e referências na área. Os ex-coordenadores do programa estarão presentes para os debates e homenagens do dia 20 de novembro. Já no dia 29, na parte da tarde, haverá o debate Integridade em pesquisa: problemas e desafios na condução e relato de estudos científicos, em sessão do Centro de Estudos da Ensp (na sala 410 da unidade da Fiocruz, em Manguinhos, no Rio de Janeiro).

    No dia 30, às 9h, no Salão Internacional, será realizada a mesa Perspectivas para a formação humana na atualidade: desafios para o mestrado profissional, que contará com a palestra de Liliam do Valle, da Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e com as debatedoras Virgínia Hortale, pesquisadora da Ensp/Fiocruz; Maria de Souza Gomes, coordenadora do Mestrado Profissional Saúde da Criança e da Mulher do Instituto Nacional da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz), do Lato sensu e da qualidade profissional, e será coordenada por Simone Oliveira, da Ensp/Fiocruz.

    Às 14h, também no Salão Internacional, haverá a mesa Perspectivas da formação humana na atualidade: desafios para o Lato sensu e a qualificação profissional, com a palestra de Nara Maria Pimentel, do MEC. As debatedoras serão Milta Neide Torrez, do CDEAD, Inês Nascimento Reis, da Ensp/Fiocruz, e a mesa será coordenada por Rafael Arouca, também da Escola.

    Para fechar a semana de eventos, na sexta-feira (1/12), no Salão Internacional, haverá a palestra de António Nóvoa, reitor da Universidade de Lisboa, que falará sobre Desafios da gestão do ensino superior em contextos de crise.

    Fonte: Ensp/Fiocruz

    Data: 
    quarta-feira, 29 Novembro, 2017 -
    09:00 to 13:00
    Compartilhe!